terça-feira, 15 de junho de 2010

Magníficos gigantes do norte do Canadá

Do correspondente de Despertai! no Canadá

“REI do Norte” e “Senhores do Ártico” são títulos notáveis compartilhados por uns 30.000 ursos-polares que vagueiam por toda a bacia do Pólo Norte.

Existem várias populações distintas de ursos-polares. Certo grupo escolheu como domínio a costa sudoeste da baía de Hudson, no Canadá, da ilha Akimiski, na baía de James, à enseada de Chesterfield, ao norte. Assim, Churchill, em Manitoba, localizada entre as duas, ganhou o título de “capital mundial do urso-polar”.

O urso-polar macho percorre seu domínio com curiosidade e infatigável disposição. Isto lhe granjeou o nome poético Pihoqahiak, dado pelo povo inuit, que significa “aquele que está sempre vagueando”.

Antigos exploradores do norte do Canadá ficaram fascinados pelo urso-polar. John Muir, um naturalista americano, descreveu-o como ‘animal de aspecto nobre e enorme força, que vive corajosa e confortavelmente em seu habitat de gelo eterno’.

Embora pesem de 450 a 640 quilos, eles são quase tão ágeis quanto gatos. Um biólogo disse: “São como gatos grandes. Sua velocidade é absolutamente inacreditável — são velocíssimos.”

Nenhum comentário: