quarta-feira, 21 de abril de 2010

Cochilos do Urso




Comparada com a das marmotas, dos esquilos terrestres, das cobras, das rãs, e assim por diante, a hibernação de muitos ursos é apenas uma série de cochilos. Isto se dá porque o cochilo dos ursos no inverno talvez seja perturbado, visto que a temperatura de seu corpo permanece alta e sua respiração continua na taxa normal. Não sendo considerados verdadeiros hibernadores, os ursos podem ser facilmente acordados de seu cochilo. Alguns até acordam por si mesmos no inverno e rondam à procura de presas por algumas horas ou dias.

Naturalmente, os ursos que cochilam preferem não ser perturbados por ninguém, nem mesmo por ondas temporãs de calor. Os cientistas que estudaram os ursos-cinzentos no Parque Nacional de Yellowstone verificaram que preferem covis onde não é provável que sejam perturbados; alguns covis se localizavam nas paredes do canyon. Todos os covis se situavam nas encostas que davam para o norte, de modo que as breves ondas de calor não aquecessem o covil e acordassem o ocupante. Os covis eram acolhedoramente alinhados com excelentes isolantes feitos de raminhos de pinheiro e de abetos. Mas, exatamente quando os ursos-cinzentos entravam em seus covis para o cochilo de inverno?

Por um período de anos, os cientistas descobriram que os ursos-cinzentos não entravam em seus covis preparados para o cochilo senão depois de uma nevasca, uma que cobrisse rapidamente suas pegadas ao entrarem em seus covis. Em questão de horas, a neve que soprava, levada pelo vento, cobria as marcas das suas patas, e então quem saberia que um urso pardo cochilava em sua cama?

Nenhum comentário: