sexta-feira, 23 de abril de 2010

O Que Afirmam os Possuidores de Cães

O treinador de cães Arthur J. Haggerty, que tem mais de setenta cães alugados em serviços noturnos em locais de construção em Nova Iorque, afirma: “Os empreiteiros nos disseram que pequenos roubos e vandalismo começam a diminuir logo que colocam uma tabuleta: ‘Aviso — Este Local É Patrulhado por Cão de Ataque’ no local. Quando o cão chega, os ladrões simplesmente partem para locais mais fáceis.”

Os cães também resultaram ser de valor em proteger lojas “Fui roubado oito vezes em quatro anos”, disse Martin Blauvelt, dono de pequena loja de bebidas, ao acariciar seu enorme pastor alemão. “Mas, desde que comprei Hércules, há dois anos, ninguém tem peito de tentar fazer nada.”

Nas grandes lojas de departamentos, cães de ataque especialmente treinados, acompanhados dum treinador, patrulham os andares à noite. Ao passo que os ladrões talvez consigam esconder se dos guardas humanos, não é tão fácil esconder-se dum cão. No ano de 1973, segundo Emanuel J. Falcone, diretor de segurança da loja  mais de 18 pessoas foram apanhadas com a ajuda de cães em uma de suas lojas de Nova Iorque.

Muitos moradores de casas, também, consideram vital um cão para proteger-se. Exemplificando: um senhor de família que morava numa área de muitos crimes explicou: “Comumente não possuiria um cão na cidade, especialmente um cão grande. Mas, toda casa deste prédio já foi invadida por ladrões, exceto a nossa. Ademais receio deixar que minha esposa saia sozinha de casa sem ele.”

Um rapaz entrevistado quando passeava seu cão pastor de aparência feroz perto da área de “Brooklyn Heights” de Nova Iorque, pensava similarmente. Duas vezes fora atacado pelas costas nos meses recentes, uma vez sendo gravemente esfaqueado. “Não teria acontecido”, afirmou, “se meu cão estivesse comigo. Raramente saio sem ele agora”.

Até mesmo cãezinhos são de valor afirma Diana Henley, da Associação de Prevenção à Crueldade Para com os Animais. A respeito de seus próprios chiuauas, observou:“Não poderiam causar muito dano a ninguém, mas são muito bons em me alertar se houver alguém do lado de fora.” Também possui um lavrador negro que latiu e assustou pretensos assaltantes que se aproximaram furtivamente dela enquanto estavam passeando fora de casa.

Até mesmo em muitos povoados pequenos e zonas rurais, considera-se agora importante possuir cães. Por exemplo, um rapaz que mora na região campestre de Wallkill, Nova Iorque, recentemente pagou 1.400 dólares por um cão de guarda profissionalmente treinado.

Nenhum comentário: